Excesso de velocidade representa um quarto das infrações cometidas no PR

Extraído de: gazetadopovo.vida.cidadania   Setembro 19, 2012

Das 1,2 milhão de multas de trânsito aplicadas no primeiro semestre de 2012, mais de 301 mil foram registradas por causa de motoristas que dirigiam acima do limite de velocidade

O excesso de velocidade foi a infração de transito mais cometida pelos paranaenses no primeiro semestre deste ano. Um levantamento do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), aponta que 301 mil das mais de 1,2 milhão de multas registradas no período foram aplicadas a motoristas que dirigiam até 20% mais rápido que a velocidade permitida. Isso significa que uma em cada quatro infrações foi registrada por conta de condutores que dirigiam acima do limite de velocidade.

Por conta disso, a Semana Nacional de Trânsito - iniciada na terça-feira (18) - é realizada neste ano sob o tema "Não exceda a velocidade, preserve a vida". Ao longo da semana, várias atividades educativas serão realizadas. Em Curitiba e em Maringá (no Noroeste do Estado) serão apresentadas palestras em universidades. Em Londrina (no Norte), haverá campanhas em bares da cidade. "Aumentar a velocidade, ainda que seja em 10 quilômetros por hora, em uma via em que o permitido é 60 quilômetros por hora, por exemplo, é colocar sua vida, dos demais motoristas e dos pedestres em risco", disse o diretor-geral do Detran, Marcos Traad.

A mobilização integra as ações da "Década Mundial de Ações para a Segurança do Trânsito - 2011/20", da Organização Mundial de Saúde (OMS). A entidade coordena o projeto Vida do Trânsito em dez países, incluindo o Brasil. Segundo a OMS, o tempo de resposta de um motorista numa situação normal é de 75 centésimos de segundos. Isso significa que, ao dirigir um veículo a 90 quilômetros por hora, uma pessoa vai precisar de 18 metros para conseguir frear o carro antes da colisão. A 120 km/h essa distância já precisa ser 25 metros.

Ações

Em Curitiba, o lançamento foi marcado pela palestra do jornalista Ricardo Boechat. No sábado (22), a cidade fará parte da iniciativa "Dia Mundial Sem Carro". Haverá ainda blitze educativas pela cidade e atividades culturais na Pontificia Universidade Católica do Paraná (PUC), Universidade Tuiuti do Paraná , Universidades Positivo, Universidade Integrada do Brasil (UniBrasil) e na UniCuritiba.

Em Maringá, as ações ocorrem nos dia 19 e 20, no campus do Cesumar. Em Londrina, a partir de quarta-feira (19) até domingo (23), acontecem as ações do "Se Liga no Trânsito -Se beber não dirija". Serão visitados cinco bares por noite, sempre das 20h à meia-noite.

Autor: Vinculado ao gazetadopovo.vida.cidadania


 
 
Deixe seu comentário



Siga o PasseiAki