Governo e setor discutem problemas de escoamento da safra de grãos

Extraído de: jnoonline.carreiras   Fevereiro 25, 2014

Produtores, exportadores e transportadoras foram chamados a Brasília.Um dos principais assuntos foi o agendamento no Porto de Santos.

Representantes de vários setores do agronegócio foram a Brasília discutir o escoamento da safra de grãos. Um dos principais assuntos foi o agendamento de caminhões no Porto de Santos, em São Paulo .

O encontro reuniu três ministros de estado: da Agricultura, da Secretaria de Portos e dos Transportes. O governo explicou o que vem fazendo para tentar evitar o caos do ano passado no desembarque da safra, principalmente no Porto de Santos, maior exportador de grãos do país.

Este ano, passou a funcionar o agendamento eletrônico, um novo sistema para organizar as filas. Apenas os caminhões que foram previamente agendados poderão desembarcar nos terminais, mas as filas já começaram a aparecer, antes mesmo do pico da safra.

O ministro da Secretaria de Portos afirma que o problema é causado, em parte, pelas viagens sem agendamento e que, por causa disso, alguns terminais já receberam multas no valor total de R$ 300 mil, mas ele admite que o sistema precisa de ajustes.

"O fato de ter um agendamento não basta para despachar um caminhão, por exemplo, com 10 dias de antecedência. Ele tem que ser despachado dentro de um prazo que atenda à janela de chegada, é essa equalização que nós temos que fazer", explica o ministro Antônio Henrique Silveira.

Para o setor produtivo, só o agendamento eletrônico não resolve os problemas de escoamento.

Segundo o Movimento Pró-Logística de Mato Grosso , o maior estado produtor de grãos do país, a falta de infraestrutura, como armazéns, rodovias e ferrovias, também compromete a safra.

"São assuntos que nós não vamos conseguir resolver para a próxima safra, mas se nós não tomarmos ações imediatas, vamos ter problemas futuros mais graves do que estamos tendo hoje", diz Edeon Ferreira, diretor executivo do Movimento Pró-Logística/MT.

A Secretaria de Portos informa que o terceiro pátio regulador para os caminhões que vão ao Porto de Santos deve começar a funcionar ainda esta semana.

De:G1

Autor: Ricardo Lemos


 
 
Deixe seu comentário



Siga o PasseiAki