Grande Natal tem 2 morte de lutador de MMA a tiros em 3 dias

Extraído de: portalbenicio.com.br.noticias   Fevereiro 12, 2014

O lutador de MMA Guilherme Matos Rodrigues, de 30 anos, foi atingido por tiros na noite de terça-feira e morreu na madrugada desta quarta-feira, em Nova Parnamirim, na Grande Natal. Foi o segundo caso de assassinato de um lutador de MMA na principal região do Rio Grande do Norte .

Guilherme "Kioto", como era conhecido, fazia parte de um dos times mais conhecidos da cidade, o Pitbull Brothers, que tem como líderes os lutadores do Bellator Patrício e Patricky Freire.

Já veterano, ele tinha um cartel de 19 vitórias e 9 derrotas, com combates por eventos importantes, por exemplo o Jungle Fight, onde fez sua última luta. Seu bom desempenho gerou elogios nas redes sociais, com mensagens de lutadores como Minotauro.

Kioto estava em uma lanchonete de açaí na avenida Ayrton Senna, em Nova Parnamirim. Segundo a polícia, dois homens o atingiram com pelo menos dez tiros e fugiram de moto. Os suspeitos ainda não foram encontrados e não foi divulgada informação sobre as motivações do crime.

O lutador chegou a ser socorrido e foi levado ao Pronto-Socorro Clóvis Sarinho, mas não resistiu aos ferimentos.
O outro caso foi registrado em Natal. O lutador de MMA e professor de musculação Luiz de França Sousa Trindade, de 25 anos, morreu na segunda-feira, em Natal. Ele foi assassinado a tiros na academia Alta Performance e morreu ainda no local.

Luiz de França, de 25 anos, era integrante da equipe Kimura Nova União, famosa por ter lutadores do UFC como Renan Barão, campeão dos galos, e Ronny Markes, entre outros. O time é parceiro da Nova União, do Rio de Janeiro , em que Barão realiza parte do seu treinamento, ao lado de José Aldo, campeão dos penas do Ultimate.

De acordo com o delegado da 11ª delegacia de polícia de Natal, foram disparados nove tiros de uma pistola calibre ponto 40. Sete atingiram Luiz de França, que morreu no local, enquanto um outro professor, não identificado, levou um tiro na perna e foi hospitalizado. O incidente aconteceu às 9h30 da manhã desta segunda. A polícia ainda não prendeu suspeitos.

Autor: Vinculado ao portalbenicio.com.br.noticias


 
 
Deixe seu comentário



Siga o PasseiAki