Quadrilha especializada em assaltos é presa no município de Santa Cruz Cabrália

Extraído de: correio24horas.com.br.noticias   Janeiro 22, 2014

Todos os acusados foram transferidos para a sede regional da Polícia Civil, em Eunápolis, nesta sexta (26)

Redação CORREIO

Uma quadrilha especializada em assaltos foi presa na noite desta quinta-feira (25) na cidade de Santa Cruz Cabrália, a 728 km de Salvador. Segundo informações do site Radar 64, o grupo estava sendo investigado por vários assaltos no extremo sul da Bahia , incluindo um roubo a uma construtora.

Foram presos Islan Maicon Carvalho Jardim, 23 anos, mais conhecido como Non; Danilo Cancela dos Santos, 20 anos; Flávio Santos Moura, 25 anos; Humberto Romero Serafin, 33 anos; e Tiago Soares Santos, 23 anos.

Quadrilha presa em Santa Cruz Cabrália

De acordo com a polícia, foram apreendidos uma caminhonete Hilux, cor azul - roubada em Teixeira de Freitas;  e um Gol, cor branca, placa MVY-4981 - de Conceição do Tocantins (TO). Além disso foi apreendido três revólveres calibre 38, uma pistola 765 e munições. Evy Paternostro, delegado e coordenador da 23ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin) informou que o Gol pertence a Non e era utilizado em assaltos.

As armas apreendidas só foram encontradas após uma revista minuciosa no interior do Gol. Dois dos revólveres e a pistola estavam escondidos entre o forro dos bancos dianteiros do carro. Já o outro revólver e um carregador com 19 cartuchos calibre Ponto380 só foram encontrados no forro da casa de Humberto Serafin, localizado no bairro Juca Rosa.

Um dos detidos, em depoimento, declarou que a Hilux seria utilizada para a prática de roubos em bairros nobres da cidade de Itabuna. Mas o delegado Evy acredita que o objetivo seria um assalto a banco.

Non estava com mandado de prisão em aberto por suspeita de tráfico de drogas. Todos os acusados foram transferidos para a sede regional da Polícia Civil, em Eunápolis, nesta sexta (26).

Roubo da Hilux

A caminhonete Hilux foi roubada no início da noite de quarta-feira (24), em Teixeira de Freitas. O veículo pertence à administradora de empresas Wanderlane Otoni Silva, de 36 anos.

Durante o assalto, ela e a filha, de 11 anos, foram colocadas no banco de trás do veículo. A mulher contou que eram dois bandidos. Um deles apontava uma arma para sua cabeça o tempo todo.

As vítimas foram abandonadas na BR-101, nas proximidades do distrito de Montinho, no município de Itabela.

Autor: Vinculado ao correio24horas.com.br.noticias


 
 
Deixe seu comentário



Siga o PasseiAki