Sexo com a professora: tio afirma que aluno está traumatizado

Extraído de: sulbahianews.policia   Fevereiro 04, 2014

Vídeo mostra professora fazendo sexo oral em aluno de 13 anos, em Palmas de Monte Alto. Ela se apresentou na delegacia, e confirmou a relação com o garoto, aluno dele

Um vídeo que caiu na internet, na semana passada, mostra a professora de reforço escolar Mônica Souza dos Santos, 30 anos, de Palmas de Monte Alto, Sudoeste do estado, fazendo sexo oral em um adolescente de 13 anos.  Segundo o delegado José Berto, da 22ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Guanambi), a professora se apresentou na delegacia, ontem, confirmando a relação com o garoto, que tomava aulas de reforço com ela. “Pela idade (do adolescente), o caso pode ser enquadrado como estupro de vulnerável”, disse.

No vídeo, de sete minutos,  Mônica pede que ele mantenha as imagens em segredo. “Você não vai emprestar o celular para ninguém, não, tá?”. As imagens serão investigadas pelo Conselho Tutelar e pelo Ministério Público do Estado. Segundo o chefe de gabinete da Secretaria de Educação de Palmas de Monte Alto, Adenilton Carvalho, Mônica não era professora da rede de ensino da cidade. “Ela é formada em Educação Física e estuda Direito em Guanambi, mas dava aulas particulares de matérias básicas, como Português e Matemática, como um bico”, explicou.

Mônica trabalhou na Secretaria de Agricultura da cidade até o ano passado. “Ela fazia trabalho administrativo e foi contratada por um tempo determinado”. Segundo ele, o adolescente estuda em Guanambi. O tio do jovem, Leandro Silva, disse que a família não comentaria o caso.

“Ele (o sobrinho) está traumatizado”. Já o advogado de Mônica, Custódio Lacerda, afirmou que ainda não sabia se assumiria o caso em definitivo. “É uma situação muito delicada e acho precipitado dizer que é estupro de vulnerável”. Procurada pelo CORREIO, a professora não foi localizada.

Matérias Relacionadas

Vídeo: professora é acusada de fazer sexo oral em garoto de 13 anos na Bahia

Conselho pede que MP investigue sexo entre servidora e menino

SulBahiaNews - A publicação do texto está autorizada desde que o veículo cite a fonte.
Autor: Vinculado ao sulbahianews.policia


 
 
Deixe seu comentário



Siga o PasseiAki