Sobe para 16 o nº de mortos em acidente com ônibus na BR-116

Extraído de: gazetadopovo.vida.cidadania   Dezembro 23, 2013

Jucinéia Justino Leal, de 42 anos, morreu após ser socorrida para o Hospital Geral de Pirajussara

Subiu para 16 o número de mortos do acidente com o ônibus que ia de Curitiba ao Rio de Janeiro e tombou na rodovia Régis Bittencourt (BR-116), na altura de São Lourenço da Serra, quilômetro 301, na madrugada deste domingo (22). A informação da morte de Jucinéia Justino Leal, de 42 anos, foi dada na manhã desta segunda-feira (23) pela Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP).

A vítima estava internada no Hospital Geral de Pirajussara, mas a secretaria não confirmou o horário de seu falecimento ou seu local de residência. Com isso, a contabilidade da tragédia aponta que 13 vítimas morreram no local e duas em hospitais, após terem sido socorridas.

Professora de Direito da PUCPR está entre vítimas do acidente

Jornalista José Carlos Fernandes, da Gazeta do Povo, escreveu sobre Jimena Aranda, a quem define como "uma das mais destacadas pesquisadoras da PUCPR e uma ativista respeitada".

Leia o texto completo

"Não senti o ônibus frear", diz vítima

Vítima do acidente que deixou mais de dez mortos e diversos feridos na rodovia Régis Bittencourt, a psicóloga Elizabete Souza Lima diz que não sentiu o ônibus frear antes de perder o controle e cair em uma ribanceira na altura do km 301, em São Lourenço da Serra (Grande São Paulo ). "Eu dormia, e acordei com o ônibus já caindo na ribanceira; não senti nenhuma freada. Tenho sorte de estar aqui, inteira", disse Lima.

Leia matéria completa

Letícia Akemi/Gazeta do Povo

Ampliar imagem

Acervo Pessoal

Ampliar imagem

Acervo Pessoal

Ampliar imagem

Jimena Aranda era professora de Direito da PUCPR

O fisioterapeuta Érico Roberto Bittencourt morava em São José dos Pinhais e estava indo visitar a família no Rio de Janeiro

A cabeleireira carioca Ademilde Guimarães Salles, de 60 anos, que morava em Curitiba, faleceu no local do acidente

Veja o mapa com o local do acidente

Confira a lista de vítimas identificadas

Segundo a SSP-SP, outra vítima que estava com status de desconhecida foi identificada. Trata-se de Valéria Santos Leite, de 44 anos.

O motorista do ônibus, da empresa Viação Nossa Senhora da Penha, foi indiciado por homicídio culposo. Ele se chama Oseas dos Santos Gomes, tem 56 anos e não se feriu com gravidade.

Sem contar a última vítima, que não teve o local de residência confirmado, o acidente matou ao menos 8 moradores de Curitiba e região.

Entre as vítimas de Curitiba e região está a professora de Direito da PUCPR Jimena Aranda (leia texto sobre ela no quadro ao lado).

Outra vítima local é o fisioterapeuta Érico Roberto Bittencourt (veja foto no quadro ao lado), de 30 anos, que viajava com o filho. O menino ficou ferido, sem gravidade,e deverá voltar ao Paraná para ficar com a mãe, que reside em Antonina. Morador de São José dos Pinhais, Érico era formado no Rio de Janeiro e estava indo visitar a família. Irmã de Érico, a jornalista Joice Bittencourt contou estar abalada com a perda e disse que a "ficha ainda não havia caído". "Ele morava há seis anos no Paraná e estava vindo passar as festas conosco".

A cabeleireira Ademilde Guimarães Salles (veja foto no quadro ao lado), de 60 anos, também faleceu no local. Ela era carioca e morava em Curitiba.

O ônibus tinha saído de Curitiba com destino ao Rio de Janeiro na noite deste sábado (21). O acidente ocorreu por volta das 2h05 de domingo.

Motorista presta depoimento

Em depoimento prestado ao delegado da Delegacia de Itapecerica da Serra, o motorista do veículo informou que "só se lembrava do momento em que o ônibus entrava no mato". Ele não fez menção à suspeita de que tenha dormido ao volante - informação não confirmada pela Delegacia de Itapecerica da Serra, onde o caso foi registrado.

Mesmo sem essa confirmação, entretanto, o motorista foi indiciado por homicídio culposo. A informação do indiciamento foi confirmada pela SSP-SP.

O caso deverá ser transferido, nesta segunda-feira (23), para a Delegacia de São Lourenço da Serra - que não funciona aos finais de semana.

Leia nota divulgada pela Viação Nossa Senhora da Penha

"A Empresa de Ônibus Nossa Senhora da Penha S/A, profundamente comovida, cumpre com o dever de informar que ocorreu um acidente com o ônibus nº 6002, que partiu no dia 21/12/2013, as 20:15 horas de Curitiba, com destino a cidade do Rio de Janeiro .

De acordo com as informações apuradas, o acidente ocorreu por volta das 02:00 horas do dia 22/12/2013, na BR 116, nas proximidades do Município de Itapecerica da Serra/SP. Os feridos foram encaminhados ao Hospital Geral de Itapecerica da Serra/SP (11-4668-8988), Hospital Geral de Pirajussara/SP (11-3583-9400) e Pronto Socorro de Embu das Artes/SP (11-4785-0154).

Passageiros sem ferimentos foram conduzidos aos seus respectivos destinos. Maiores informações serão prestadas no decorrer do dia, assim que disponíveis. Os familiares dos passageiros dispõem do seguinte telefone gratuito para obter informações adicionais: 0800-646-2122.

A empresa, desde já, solidariza-se com os familiares e amigos das vítimas."


Autor: Vinculado ao gazetadopovo.vida.cidadania


 
 
Deixe seu comentário



Siga o PasseiAki